Autor beehappymkt

porbeehappymkt

Aprenda como ganhar dinheiro com importação

Nos últimos anos, a procura pelo negócio da importação aumentou no Brasil, tanto entre pessoas interessadas em comprar produtos importados quanto pessoas a fim de importar produtos. Por conta disso, o mercado se tornou mais lucrativo.

Produtos comprados no exterior, nos lugares certos, costumam ter um custo bem mais baixo em comparação com produtos comprados em território nacional. Mas, hoje em dia, há muitas empresas que trabalham exclusivamente para vender produtos vindos de importação. Então, como saber se é vantajoso investir em produtos importados para revender?

Hoje em dia, com o avanço da internet, a importação se tornou bem mais vantajosa do que ela costumava ser antigamente. Graças aos sites de produtos vendidos online, as pessoas não precisam mais sair do país para comprar produtos de fora.

Por conta disso, um grande custo é poupado: o custo da viagem. Sair do país é algo caro e, agora, para vender produtos importados, basta realizar alguns cliques.

É claro que há o pagamento de algumas taxas de importação, mas, dependendo do caso, vale muito mais a pena comprar pela internet do que ir até o outro país.

No artigo a seguir, você saberá mais sobre a importação, como fazer dinheiro com isso e quais produtos são mais recomendados para serem revendidos.


Afinal, como ganhar dinheiro com importação de produtos?


Defina seu público alvo

 

Esta dica é importante para qualquer pessoa que deseja lidar com vendas e atendimento ao público. 

Tudo será muito mais útil e pragmático se for planejado. Se você tem um público alvo definido e fixo, você só precisa focar em estratégias para atrair aquele tipo de público. 

Definindo seu alvo, você otimiza seu trabalho e foca todo o seu empenho em um único tipo de público, poupando seu tempo de tentar atrair pessoas que, naturalmente, não se interessariam pelos seus produtos. 

Por exemplo, se seu público alvo for pessoas que procuram por aparelhos eletrônicos e smartphones, você não deve atrair a atenção deles com produtos de cosmético e maquiagem, certo? Definir quem você quer atingir com seus produtos é um passo bem importante.



Divulgue seu trabalho

Propaganda é um aliado essencial para o seu trabalho e é importante para o crescimento. Portanto, invista em propagandas que atinjam o maior número de pessoas possível. 

Você pode realizar a divulgação do seu trabalho pelo boca a boca mesmo, falando para todos sobre os produtos que você pretende vender, ou ainda, você pode fazer uso de alguma plataforma digital para divulgar suas vendas. 

A internet pode ser uma grande aliada no processo de divulgação. Por isso, use e abuse deste recurso.


Escolha como irá vender seus produtos

Este é um passo importante. Afinal, você precisa se sentir confortável com a venda e ver qual é a melhor opção para você. 

Algumas pessoas são excepcionalmente boas com a venda direta, com lojas físicas ou, ainda, vendendo para outros estabelecimentos. 

Outras pessoas já preferem vender produtos online através de lojas online ou redes sociais. Enfim, o que for mais viável para você é o que deve ser escolhido.


Saiba quais são os melhores produtos para importar e revender

Relógios

Os relógios são acessórios que sempre estão em alta. Em países como a China, o valor de um relógio chega a ser muito baixo e, por aqui, é possível vendê-los com um valor bem superior. 

Você nem mesmo sequer precisa trabalhar com marcas muito conhecidas. Alguns relógios simples costumam gerar uma margem de lucro de R$ 100,00.

Acessórios de informática

São produtos muito buscados, devido à grande variedade de acessórios encontrados no exterior. Aqui no Brasil, os preços costumam ser bem altos. Por isso, a procura por acessórios importados é alta e vale a pena o investimento.

Cosméticos

A cada dia que passa, novas tecnologias são desenvolvidas para melhorar a qualidade de produtos cosméticos. Portanto, esse é um mercado que está sempre apresentando novidades. 

O público feminino é a maioria na hora de realizar a compra de cosméticos importados. Vale muito a pena investir em bons produtos vindos do exterior, uma vez que aqui no Brasil eles custam valores muito altos.

Perfumes

Assim como os cosméticos os perfumes são produtos muito procurados. Contudo, perfumes importados no Brasil têm valores excessivos. Então, as pessoas acham mais vantajoso comprar esses produtos através da importação. 

Há muito tempo, as pessoas apostam em perfumes para revender e essa é uma oportunidade que ainda tem muito para crescer.

Tênis

Muitas marcas famosas que atuam no Brasil possuem um valor bem alto, o que acaba por afastar alguns clientes das lojas físicas. 

Neste sentido, importar tênis de marca é uma boa opção de fazer dinheiro, pois o público busca por produtos com valor mais baixo.

Celulares smartphones

Esse, talvez, seja o produto mais procurado na lista. Os preços de alguns celulares smartphones no Brasil chega a ser absurdo. As taxas são muito altas e o valor do produto é triplicado. 

Muitas pessoas preferem comprar celulares direto da revenda de importação. Portanto, esse é um público que sempre irá fortalecer esse tipo de venda.

Bolsas e carteiras

Focado no público feminino, esses produtos são fáceis de vender. A procura por bolsas e carteiras é bem grande, mais uma vez, graças aos preços altos desses produtos no Brasil. 

É bem mais vantajoso comprar o produto importado do que pagar o preço integral em uma loja física.

Como importar

Ao invés de precisar sair do país para realizar a compra de produtos e, só então, vendê-los, hoje em dia, é infinitamente mais fácil realizar a compra através de sites de importação seguros.

Os produtos importados da China e dos Estados Unidos são os mais procurados. Confira uma lista com os melhores sites para realizar a importação de produtos:

  • Ebay
  • Amazon
  • Ali Express
  • Wish
  • Macy’s
  • Lacoste
  • Gap
  • Gamestop
  • Wal-mart
  • Chicwish 
  • Romwe 
  • Milanoo 
  • Banggood

 

Agora que você já sabe quais os melhores produtos para importar, quais são os melhores sites e as estratégias que podem ser usadas para impulsionar as suas vendas, está na hora de colocar todas essas ideias em prática e começar a importar produtos para valer.

 

porbeehappymkt

Saiba a Importância da Educação Financeira para Viver

A Educação Financeira é um assunto que costuma assustar algumas pessoas que preferem sempre fugir do assunto, pois acreditam que esse tema é um tabu e optam por ignorá-lo.

O que acontece é que, sem educação financeira, é muito fácil as pessoas perderem dinheiro e se frustrarem. Portanto, conhecer sobre o assunto pode tornar o consumo do dinheiro mais consciente.

Através da educação financeira, as pessoas conseguem controlar melhor o dinheiro, pois elas podem ver claramente com o que estão gastando e, a partir daí, é possível estabelecer metas e estratégias.

Ganhar dinheiro, guardar e investir são tarefas difíceis e exigem um pouco de conhecimento que pode ser crucial. A educação financeira não é apenas sobre fazer um planejamento financeiro. Ela engloba a forma como você recebe o dinheiro, administra ele, investe e planeja para o futuro.

Educação financeira é um hábito e é através desse hábito que as pessoas conseguem ficar ricas  e aumentar ainda mais o capital.

Neste artigo, você verá um pouco sobre educação financeira para iniciantes, como começar a investir do zero e  outros assuntos relacionados ao tema.

Educação financeira para iniciantes

A educação financeira nada mais é do que um estudo que ensina as pessoas a lidarem com o dinheiro, a fim de fazer o melhor uso possível dele. Este uso deve ser feito de maneira controlada e consciente.

Dinheiro é algo que mexe com as pessoas e transforma vidas, tanto de forma positiva quando de forma negativa. O que vai diferenciar esses dois casos é  justamente a maneira como as pessoas administram seu dinheiro.

A educação financeira ajuda as pessoa a encararem o dinheiro como um objeto que pode ser dominado por você, isso é algo que deve ser ressaltado, pois a relação das pessoas com o dinheiro é de tratar ele como algo que pode dominar. 

Não é nada incomum conhecer pessoas que compram coisas desnecessárias, ou que sempre terminam o mês no vermelho, sem nenhum dinheiro extra na conta.

Isso geralmente ocorre porque as pessoas não passam por uma educação financeira no decorrer da vida. Nas escolas, pouco se é abordado sobre o tema, nas famílias também. Consequentemente, uma geração sem conhecimento financeiro foi formada e essas pessoas passam por grandes apertos graças à falta de educação financeira.

Entretanto, é claro que a situação dessas pessoas pode ser revertida através da educação financeira, e existem muitas formas de começar a mudar a sua ligação com o dinheiro.

Uma das primeiras lições da educação financeira é que as pessoas precisam enxergar o dinheiro com seriedade e entender que ele não foi feito para ser gastado sempre, como a maioria das pessoas faz.

É de extrema importância que as pessoas parem de agir no impulso e gastem com futilidades que não trarão nenhum retorno financeiro e passem a pensar duas vezes antes de gastar o dinheiro.

Outra forma de lidar com o dinheiro e fazer isso se tornar proveitoso é investindo. Sempre que sobrar algo na sua conta no final do mês, invista. De preferência invista em instituições rentáveis, talvez a Poupança não seja a melhor opção, visto que o rendimento da poupança é um dos baixos que existem.

Outro conceito que deve ser conhecido é o de gastos passivos e gastos ativos. Gastos passivos são as compras feitas que não possuem nenhum ou quase nenhum retorno financeiro. São gastos com roupas, acessórios, comida, etc. Já os gastos ativos são compras que podem te dar retorno financeiro a longo prazo.

Deixar de gastar é uma tarefa árdua, mas, ainda assim, ela é mais fácil do que achar formas de ganhar mais dinheiro. Concorda? Portanto, é importante cortar gastos excessivos e se reeducar.

Muitas pessoas chegam até a educação financeira por conta de erros do passado, muitas dívidas ou, ainda, com o nome “sujo”. Para essas pessoas, o primeiro passo na educação financeira é organizar suas dívidas, pagá-las e restabelecer a ordem.

 

Enriquecendo com Educação Financeira

A educação financeira é uma das poucas coisas que podem dar certeza de enriquecimento. É claro que, certamente, ninguém fica rico de uma hora pra outra por meios convencionais.

Enriquecer demanda uma série de esforços que precisam ser feitos com frequência ou, melhor dizendo, precisam virar hábitos. 

Confira, a seguir, algumas dicas que podem ajudar você a ganhar mais dinheiro e, quem sabe, até conseguir enriquecer.

Faça um planejamento doméstico

Na prática, isto significa que todas as suas contas e gastos devem estar anotadas, seja em uma planilha no computador ou em uma caderneta.

Reduza gastos

Como dito anteriormente, é importante cortar gastos excessivos e sem necessidade. A educação financeira deve ser colocada em prática sempre que você pensar em gastar dinheiro com qualquer coisa. 

Novas dívidas também devem ser evitadas, a princípio. Neste primeiro momento, a ideia é organizar as dívidas atuais para, só então, considerar a hipótese de fazer outras dívidas.

Invista, mas tenha paciência

Enriquecer leva tempo e dedicação. Os investimentos devem ser feitos sempre que sobrar algum dinheiro da sua renda mensal e precisam ser movimentados com certa frequência. 

Quanto maior a quantidade de dinheiro investida e quanto mais movimentação feita, melhor. Os juros devem aumentar com o tempo e fazer o seu dinheiro investido valer a pena. Entretanto, é preciso ter paciência, pois os juros precisam se acumular.

Defina metas e objetivos

Você precisa deixar bem claro quais são as suas intenções, qual o seu objetivo e quais metas você deseja bater. 

Essa é uma forma de manter o foco e poupar o máximo de dinheiro possível, a fim de atingir os objetivos propostos. Suas metas devem ser diárias, semanais, mensais e anuais. Metas de curto, médio e longo prazo. 

 

Importância da Educação Financeira

Conforme foi visto nos tópicos acima, a educação financeira é uma parte essencial do processo de crescimento das pessoas. 

É essencial ter conhecimento sobre este assunto e aplicar os conceitos da educação financeira nas situações do dia a dia, pois é através dela que podemos deixar de encarar o dinheiro como um tabu, ou mesmo um inimigo, e passar a enxergá-lo como algo que está a nosso favor.

porbeehappymkt

Renda extra: conheça formas de ganhar mais dinheiro empreendendo

Muitas pessoas ainda pensam que empreender é algo complexo, difícil e não acessível para a maioria. Contudo, empreender e gerar uma renda extra é uma possibilidade plausível e tem mudado a vida de muitas famílias.
Em busca de fazer uma renda extra para ajudar nos gastos, muitas pessoas têm desenvolvido diferentes métodos eficazes para sair do aperto.

A internet é a principal responsável pela geração de renda extra, e não estamos falando de empreendedorismo digital. O que quero dizer é que, através da internet, as pessoas têm acesso à informação, que é transformada em negócios, e esses negócios geram renda.

Não precisa ir muito longe para encontrar exemplos de como as pessoas que fazem um dinheiro extra por conta de algo que viram na internet. Você, certamente, deve conhecer alguém que vende produtos, comidas ou coisas usadas por influência de algo que viram online ou porque pegaram a receita em algum site.
Isso prova que qualquer pessoa pode empreender e fazer um negócio rentável, basta investir um pouco de dinheiro e, principalmente, ir atrás de conteúdo para melhorar seus produtos.

É claro que alguns serviços precisam de pessoas qualificadas para realizar o trabalho, mas, em geral, para fazer uma renda extra não é necessário possuir muitas habilidades e conhecimentos. Alguns serviços podem ser feitos por qualquer pessoa.

Com a escassez de empregos, o setor de trabalho informal cresceu muito no país e, em alguns casos, ele não é apenas uma renda extra, mas sim, a principal renda.
No artigo a seguir, saiba mais sobre como gerar renda extra e considere as vantagens que isso pode te proporcionar.

Como gerar renda extra?

Há milhares de formas de gerar renda extra. Você pode fazer tanto em casa quanto em outros espaços. Vendendo coisas produzidas por você ou revendendo. Oferecendo serviços manuais ou atendendo clientes via Skype.
O primeiro passo para começar a fazer dinheiro extra é pensar nas suas habilidades. Certamente, você tem algo que pode oferecer, algum conhecimento especial, dom para vender, mexer com coisas na internet, cozinhar, etc. Após escolhida a área em que você pretende prestar seus serviços, agora basta escolher o que fazer.
Confira algumas ideias do que você pode fazer para ganhar uma renda extra:
Fazer e vender doces e salgados
Se você tiver um pouco de conhecimento sobre confeitaria e mandar bem em fazer sobremesas e lanches, talvez deva investir em fazer doces e salgados para vender.
Esses produtos vendem muito fácil. Invista em produtos de qualidade e tenha um ponto fixo. Certamente, não vai demorar para aparecer os primeiros clientes e, se eles gostarem, é certeza que você terá fregueses fiéis.
Dar aulas particulares
Se você tem um pouco de conhecimento sobre algum conteúdo, seja ele conhecimento básico de matérias escolar, idioma ou, ainda, um talento, como música, dança, etc, você pode oferecer seus serviços de aula particular.
Muitos sites hoje oferecem divulgação por esse tipo de serviço, o que pode ajudar a aumentar o alcance das pessoas que saberão dos seus serviços. Ampliando suas oportunidades, você pode escolher oferecer aulas tanto presenciais quanto online.
Nas aulas online, você pode usar aplicativos como o Skype para fazer uma vídeo chamada.
Revender produtos
Há muito tempo a revenda de produtos é algo popular no Brasil, especialmente a revenda de cosméticos. Vendido em sua maioria por mulheres, este tipo de trabalho se tornou muito comum por aqui.
Hoje em dia, ele não é tão comum como antigamente, mas ainda é uma opção para quem deseja incrementar a renda. Atualmente, também há uma maior gama de opções de marcas para serem revendidas através dos catálogos.

Revender produtos importados
Essa forma de revenda está bem mais popular do que a revenda de produtos vendidos sob encomenda de catálogos. Nesse caso, você é o responsável por comprar produtos em outras países (mais baratos) e revender aqui no Brasil.
Os produtos também podem ser comprados pelo Ebay e revendidos. Apesar das taxas de importação, é provável que saia mais barato que viajar para comprar.

Vender produtos usados
Muitas pessoas estão se desfazendo de seus objetos pessoais e vendendo online.
Essa é uma boa forma de conseguir dinheiro para quem quer ter um estilo de vida minimalista, pois, certamente, você terá que abrir mão de muita coisa que tem em casa. Roupas, sapatos, livros, bolsas, aparelhos eletrônicos. Enfim, são muitos produtos que podem ser vendidos.

Alugar seu carro
Essa é uma opção válida para quem possui um carro, mas não o usa tanto assim. Você pode alugar seu automóvel através de algum site que terceirize esse tipo de serviço. Você pode alugar o carro diariamente, semanalmente ou mensalmente e, para cada uma dessas opções, há um valor.

Cuidar de animais
O trabalho de pet sitter tem se tornado bastante popular nos últimos anos. Cada vez mais as pessoas têm procurado por serviços voltados para seus animais e, hoje, existem sites específicos que recrutam e divulgam pessoas para cuidar de animais, passear com eles e fazer companhia quando os donos viajam.

Cuidar de crianças
Da mesma forma que o trabalho de pet sitter, o trabalho de babá freelancer pode ser feito aos finais de semana ou em períodos curtos de necessidade em que os pais precisam de alguém para olhar a criança.

Fazer marketing digital
Muitas pessoas possuem habilidades para o marketing digital e podem investir nisso como uma forma de freelancer. Os serviços dessa área são muito procurados.

Transportar pessoas
Nessa lista, não poderia faltar o serviço de carros particulares. Empresas como a Uber e 99 Pop cresceram muito no Brasil e popularizaram este tipo de serviço, que consiste em se cadastrar em uma dessas plataformas e começar a realizar o transporte de pessoas no seu carro.

Como visto, há muitas formas de conseguir uma renda extra. Os exemplos citados foram só ideias que podem servir de inspiração para quem ainda não sabe por onde começar.
Se você já tem um plano de ação em mente, basta agora colocar isso em prática e trabalhar com empenho para fazer o seu dinheiro.
Use e abuse da internet para fazer suas pesquisas sobre mercado, vendas, trabalhos e etc. A internet também pode ser usada para ajudar na divulgação dos serviços.

porbeehappymkt

10 formas de trabalhar em casa

Veja 10 formas de trabalhar em casa e ganhar dinheiro empreendendo

 

Trabalhar em casa pode representar a liberdade que falta na sua vida, o tempo livre que você necessita para não ficar sobrecarregado de tarefas, o conforto de seu lar. 

Para algumas pessoas, trabalhar em casa foi a solução encontrada para gerar renda extra. Para algumas foi uma escolha de vida e, para outras, foi a opção encontrada para driblar o desemprego. 

Independente do motivo que o levou a escolher trabalhar em casa, saiba que há muitas possibilidades nesse meio e que você, com certeza, irá encontrar algo que irá suprir a necessidade de dinheiro e, ainda assim, ser prazeroso.

No artigo a seguir, você irá conhecer mais sobre os trabalhos que podem ser feitos em casa e, ainda, irá ver as vantagens que isso pode trazer para você.


Quais são as vantagens de trabalhar em casa?

 

Trabalhar em casa apresenta muitas vantagens e, por conta dessas vantagens, algumas pessoas trocam seus empregos físicos pelo “home office”. Apesar do trabalho em casa ter desvantagens também, as vantagens costumam superar essas desvantagens. Confira algumas dessas vantagens:

Horário flexível

Trabalhar em casa significa que você pode montar sua própria rotina e trabalhar em horários que sejam mais convenientes para você. Essa também é uma vantagem, pois você pode adiar algo em caso de necessidade. 

Fazer isso em um trabalho regular é bem mais difícil. Portanto, a flexibilidade de horário é um benefício atrativo.

Conforto

Trabalhando em casa ,você terá muito mais conforto, em todos os aspectos. Seu escritório ou o espaço utilizado para trabalhar oferecerá privacidade e o conforto de casa. 

Dependendo do tipo de serviço prestado, você pode ainda realizar em diferentes locais, como em ônibus, no metrô ou, ainda, na sua própria cama.

Economia

O serviço realizado por você pode servir como uma renda extra para complementar seu salário e, dessa forma, você terá um bom motivo para investir e fazer esse dinheiro aumentar no futuro.

Saúde

Como você será o responsável pelo seu trabalho, muitos dos estresses sofridos no ambiente de trabalho será minimizado, assim como muitos problemas físicos também: dor de cabeça, cansaço, dores no corpo. 

Problemas mentais e desgastes emocionais também devem melhorar, pois não haverá tanta pressão em cima do seu serviço.

Menos gastos

Quem trabalha em casa não precisa gastar dinheiro para se locomover até o local de trabalho, nem precisa gastar com comida, pois pode comer o que tem em casa. 

Além disso, as pequenas “tentações” do dia a dia que nos fazem gastar dinheiro são evitadas, já que não há contato com o mundo do lado de fora de casa.

Sem trânsito

Talvez, essa seja uma das maiores vantagens, uma vez que o trânsito é um dos momentos mais exaustivos no cotidiano no brasileiro. 

No transporte público, há a superlotação e, no transporte particular, há enormes filas de engarrafamentos nas avenidas. Trabalhar em casa significa estar sempre pontual, sem estresse e sem imprevistos.

Tempo com a família

Ao trabalhar em casa, você pode dividir o tempo que passa trabalhando para estar com a família também. Desde que isso não atrapalhe seu serviço, nada o impede de estar próximo da companhia de quem você gosta enquanto realiza o seu trabalho.

Confira 10 ideias de trabalho para fazer em casa

Existem muitas possibilidades de trabalho que podem ser realizados no conforto da sua casa. Alguns deles não exigem nenhum investimento financeiro. Basta apenas ter vontade de começar.

Confira, na lista a seguir, algumas ideias que podem te inspirar a procurar por uma trabalho que possa ser feito em casa:

1 – Sublimação

Sublimação é aquele tipo de estampa que pode ser transferida para alguns materiais, como tecido, plástico, vidro, dentre outros. Este tipo de serviço de objetos personalizados é muito procurado até hoje. 

Ter uma máquina que realiza esse tipo de trabalho será uma grande oportunidade de fazer uma renda trabalhando em casa.

Quer saber mais sobre? Clique aqui

 

2 – Comidas fit

As pessoas estão cada vez mais ocupadas. Contudo, muitas delas não querem se render às “junk food”, comidas de rua de baixa qualidade e baixo preço. 

Hoje em dia, os restaurantes e comércio têm uma maior demanda de oferecer comidas saudáveis, mas elas ainda são pouco variadas. 

Isto é uma oportunidade para pessoas fazerem suas comidas “fit” e venderem. As comidas podem ser feitas em grandes porções e serem vendidas congeladas. É uma forma de oferecer comida de qualidade e boa para a saúde. Todos saem ganhando.

3 – Importação

Já pensou em importar produtos e vendê-los por um valor mais alto, recebendo um bom lucro por isso? Hoje em dia, dá para a fazer a importação comprando através do Ebay. Não é mais necessário viajar para importar produtos, mas muitas pessoas ainda não sabem dessa informação.

4 – Laços de bebê

Acessando alguns tutoriais no YouTube, você pode aprender a fabricar seus próprios laços e vendê-los. 

Eles possuem preços variados, mas há relatos de pessoas que conseguem fazer até R$ 6.000 por mês vendendo laços e tiaras feitos em casa.

5 – Artesanato

Para as pessoas que possuem algum talento para as artes, elas podem viver disso. Hoje em dia, a internet ajuda muito no processo de divulgação dos trabalhos e você pode usar a internet a seu favor para divulgar o trabalho feito por você. Clique aqui

6 – Freelancer

Na internet, você pode encontrar muitas oportunidades de prestar seus serviços como freelancer. 

Duas das vagas mais vistas são de designer gráfico e de copywriting, ou seja, escrever textos de cunho publicitário para empresas e blogs. Os sites Workana e VinteConto podem ajudar na divulgação do seu trabalho.

7 – E-commerce

Começar uma loja virtual pode ser uma ótima oportunidade para fazer você conseguir se sustentar trabalhando de casa. Lojas online são bem mais vantajosas do que lojas físicas, pois elas elas trazem uma série de vantagens que não são vistas em lojas físicas. 

8 – Brigadeiro Gourmet

Um dos docinhos mais antigos, gostosos e queridos de todo mundo. Presente em festas de crianças e hoje em dia em grandes eventos, casamentos e etc. Fácil aceitação e venda. Se você não sabe por onde começar, vou te dar uma boa dica para isso.

 

9 – Fotografia

Apesar de hoje em dia as pessoas fazerem suas próprias fotos usando aparelhos smartphones, a fotografia profissional ainda é bastante procurada. 

Se você possui uma câmera profissional e tem algum conhecimento sobre edição e tratamento de imagens, pode investir em prestar seus serviços como fotógrafo. Alguns ensaios com poucas fotos chegam a custar mais de R$ 100.

10 – Infoprodutos

Os infoprodutos são arquivos que fornecem algum tipo de conteúdo de cunho educativo, que contenham informações, simplificações, e outras coisas relacionadas ao conhecimento. 

Você pode ser autor de um infoproduto e ganhar dinheiro vendendo o seu material online. Os infoprodutos podem ser de vários formatos: PDF, E-book, vídeo-aula, etc. Saiba mais

 

Outras opções para trabalhar em casa

Além de tudo o que foi citado acima, existem outras opções para quem deseja trabalhar em casa.

Algumas empresas hoje em dia oferecem vagas de emprego para home office. Isso significa que você pode trabalhar em casa contando com todos os benefícios de um emprego com carteira assinada.

Para saber mais sobre essas oportunidades, você pode acessar páginas de emprego ou, ainda, consultar as sessões de “Trabalhe Conosco” das empresas que você se interessar.

Dentre os serviços home office oferecidos pelas empresas estão: atendente de telemarketing, revisor de textos, jornalista, tradutor, dentre outros.


Desvantagens de trabalhar em casa

É importante saber que trabalhar em casa não é perfeito e idealizado como algumas pessoas podem imaginar. Pelo contrário, haverá também muitos empecilhos ao longo dessa jornada e algumas  desvantagens devem ser citadas, para que ninguém seja prejudicado nessas situações. Confira algumas desvantagens de trabalhar em casa.

Distrações

Trabalhar em casa pode significar muitos afazeres ao mesmo tempo ou, ainda, a procrastinação. 

É importante manter o foco durante os momentos dedicados ao trabalho, evitar o uso de aparelhos celulares, música, pet, ou qualquer outro tipo de coisa que possa tirar sua atenção. O momento de trabalhar, assim como em qualquer empresa, deve ser respeitado.

Trabalho sem benefícios da CLT

Quem se sujeita a trabalhar em casa deve saber que não terá uma série de benefícios oferecidas aos trabalhadores de carteira assinada, como vale-alimentação, férias remuneradas, 13º salário e tantos outros (Hoje já nao vejo isso como uma coisa ruim perto de tanta coisa boa que me trouxe).

Isolamento social

Muitos casos de trabalho em casa podem gerar isolamento social, por razões óbvias. 

Trabalhar em um local movimentado, cheio de pessoas à sua volta pode ser um estímulo para a socialização, já o trabalho realizado em casa (dependendo do que for) pode ser um forte fator para afastar as pessoas de terem contato com outras. É importante estar atento a isto e evitar que chegue nessa situação.

Vida familiar

Apesar de ter sido citado como uma vantagem, em alguns casos, trabalhar em casa e com o contato da família pode ser um problema. Isso ocorre porque há a possibilidade de distração do trabalho por conta das relações familiares ou do envolvimento em questões domésticas. 

O melhor a se fazer nesse caso é ser profissional e separar a família dos negócios.

Agora que você já viu várias opções de trabalhos para serem feitos em casa e as vantagens e desvantagens desses trabalhos está, enfim, na hora de colocar estas ideias em prática e começar a trabalhar.

porbeehappymkt

Nossos Serviços

Sites, Landing Pages, SEO, Facebook Ads, Google Ads, Marketing Digital e Empreendedorismo Digital

porbeehappymkt

Empreendedorismo Digital

Buscar uma renda extra investindo no empreendedorismo digital é uma forma hábil e eficaz de conseguir dinheiro. Mas, com tantas informações na internet, é importante saber analisar bem o que pode ou não dar certo no seu investimento.

Empreender significa fazer muitas análises e saber para onde está indo o seu dinheiro, pois é preciso ter retorno financeiro para que o empreendimento valha a pena, de fato.

A internet está em um processo de crescimento muito grande. Tudo começa e acaba de um hora para outra, em pouco tempo. Isso significa que para fazer algo “durar” e render precisa de muito empenho.

Confira, neste artigo, algumas dicas úteis que farão você pensar melhor sobre empreender na internet e fazer as escolhas certas para o seu negócio ir para a frente.


O que é empreendedorismo digital?

Muitas pessoas “caem de paraquedas” nesse mundo sem saber com o que exatamente estão lidando. Esse é um dos principais fatores que fazem os empreendimentos online não darem certo, pois, para fazer isso funcionar, é preciso que haja um conhecimento amplo sobre o sua área de trabalho.

O empreendedorismo digital compreende todos os tipos de prestação de serviços e comércios realizados por meio da internet. Você talvez não tenha reparado, mas a maioria dos serviços que utilizamos está, de alguma forma, relacionada à internet.

Blogs, canais de YouTube, cursos online e e-commerces em geral são formas de empreendedorismo digital. Alguns negócios online deram tão certo que estão substituindo os comércios físicos.

O empreendedorismo digital é promissor, pois ele pode começar sem que haja muito investimento financeiro e pode gerar uma boa renda, se for bem administrado.

Como montar um negócio online

Agora que você já sabe sobre o que empreendedorismo digital se trata, confira algumas dicas importante que te ajudarão a começar o seu próprio negócio:

Busque inspiração

Antes de começar, de fato, é importante estudar grandes empreendimentos e observar o que deu certo neles. Cada empresa possui um público-alvo, um estilo de campanha, administração e tantos outros fatores. 

Todos esses aspectos devem ser meticulosamente estudados. Desta forma, você terá bons exemplos do que deve ou não fazer na sua própria empresa.

Defina seus objetivos

É importante que você defina bem tudo o que pretende com o seu empreendimento, por quanto tempo vai tentar empreender e como planeja executar seus planos para atingir tais objetivos. 

Invista no marketing digital

A propaganda vai ser o que irá divulgar o seu negócio. Portanto, é necessário investir em uma boa campanha, visando atrair o número máximo de público.

Crie um site

O site será o espaço onde seu trabalho será visto, divulgado e comprado. Ele será a sua marca. Portanto, é importante investir em um ambiente online. Mantenha seu site atualizado e acessível para diferentes plataformas e aparelhos digitais.

Conheça seu público-alvo

Esta dica é uma das principais ao começar qualquer empreendimento, pois conhecer o público que comprará seus produtos é um fator importante para direcionar suas vendas. 

Conhecendo o seu público, você delimita as campanhas de marketing e foca em produtos que atraiam aqueles clientes específicos.

Faça você mesmo

Muitos dos serviços necessários no empreendedorismo digital pode ser feito por você, especialmente se o dinheiro para investimento for pouco. Na internet, é possível encontrar muitos sites que disponibilizam serviços gratuitamente ou por um preço baixo. 

Você pode fazer sozinho seu próprio site, suas edições de imagem e vídeo, ferramentas de pesquisa e outros. Ao fazer isso, você economiza um dinheiro, que pode ser utilizado para outras funções.


 

Confira algumas ideias de empreendedorismo digital

A concorrência no mercado digital é inevitavelmente mais competitiva do que comércios físicos. Isto porque as opções onlines são, quase, infinitas. Para um negócio online se destacar, é preciso que tenha qualidade e, principalmente, inovação.

Para aqueles que ainda não sabem exatamente o que podem fazer, confira algumas ideias de negócios online inovadores, que podem te ajudar a escolher algo para fazer:

Infoprodutos

Essa é uma forma de negócio online que tem crescido muito nos últimos anos. Os infoprodutos englobam plataformas de ensino na internet e seu crescimento se justifica pela busca de cursos que sejam rápidos, práticos e acessíveis. 

Os infoprodutos podem ser PDF, e-book, vídeo-aula ou qualquer outro formato de arquivo digital que disponibilize alguma forma de conteúdo de aprendizado.

Blogs

Os blogs podem ser acessados gratuitamente pelo público, mas é através da monetização que você poderá ganhar dinheiro. A monetização pode ser feita de diversas formas, as mais comuns são: 

  • Artigos patrocinados (publipost, reviews, indicação, etc);
  • Banners e outras estratégias de divulgação de produtos patrocinados;
  • Anúncios.

E-commerce

A forma de empreendedorismo digital mais comum. Os e-commerce são as lojas online que oferecem diversos produtos. As lojas onlines são um bom investimento, pois elas podem gerar um retorno financeiro bem maior do que as lojas físicas.

Isto ocorre porque manter um site é bem mais fácil e prático do que manter um loja real, onde você precisa pagar funcionários, funciona só até um determinado horário, precisa pagar aluguel e outras despesas. No e-commerce, você só precisa manter o site atualizado e pode vender 24 horas por dia.


Vantagens do empreendedorismo digital

O empreendedorismo digital oferece muitas vantagens e é procurado justamente por esse motivo. Saiba algumas dessas vantagens e sinta-se inspirado para começar o seu negócio online:

Acessibilidade

O empreendedorismo digital é acessível, o que significa que você pode administrar o seu negócio através de um aparelho eletrônico (celular, tablet, notebook, computador) em qualquer lugar.

Flexibilidade

Por estar administrando um negócio que é seu, você terá flexibilidade de horário, podendo escolher trabalhar quando achar mais conveniente e/ou rentável.

Economia

Trabalhando online, você também terá uma grande economia de custos, pois administrar um site requer bem menos dinheiro investido do que cuidar de um ambiente físico.

Mais crescimento

Sua empresa também terá maiores chances de crescer por meio das estratégias de marketing digital que deverão ser usadas. Por ser um negócio já situado no meio digital, é ainda mais fácil investir em divulgação da marca.

Mais tempo livre

Além de tudo isso que foi citado, o empreendedorismo digital poderá proporcionar mais tempo para ficar em casa, aproveitar a família e ter mais tempo para fazer o que desejar, graças a independência que será gerenciada por você mesmo.